Projeto Dooie Bome (Árvores Mortas)

O projeto Dooie Bome (Árvores Mortas, em africanês) surgiu durante uma expedição à África do Sul, mais precisamente, dentro do parque Kruger, onde passei alguns dias fotografando a fauna.


O cenário árido apresentava diversas árvores aparentemente mortas, sem folhas, e de certa forma contorcidas, que contrastavam com o céu limpo da região. E foi justamente o contraste que me chamou a atenção. Identifiquei então a possibilidade de inversão dos tons da cena, tornando o céu escuro, e a árvore, assunto principal da cena, em tom claro, dando um ar noturno para a cena.
 

No mesmo momento, comecei a perseguir diversas árvores da região que contrastassem com o céu. Para concluir o processo de construção das fotos que compõem este projeto, bastou a edição do material.

Execução: Março de 2017.